CRONOGRAMA CAPILAR – O que é e como fazer!

O que você precisa saber sobre o cronograma capilar:

O cronograma capilar é uma opção para cuidar dos seus fios, não é uma regra para quem tem cabelos ondulados/cacheados/crespos.
As etapas do cronograma capilar devem ser feitas separadamente (nunca no mesmo dia!). Respeite o intervalo de 48 horas.
Se você começar o cronograma para cabelos danificados ou para cabelos pouco danificados, obtiver bons resultados e perceber uma boa melhora na superfície dos fios e ficar satisfeito(a), pode interromper o cronograma ou optar por uma rotina capilar para cabelos saudáveis.
Para seguir uma etapa do cronograma, você não precisa usar todos os produtos com a mesma função. Assim, se é dia de fazer uma reconstrução, você não precisa usar shampoo com queratina + máscara com queratina + condicionador com queratina.
O cronograma capilar apresentado aqui é apenas uma proposta. Fique atento(a) ao seu cabelo, estado geral e como ele reage aos produtos. Se julgar necessário, monte sua própria rotina de cuidados. Essa rotina está dividida pelo estado geral dos fios, mas é importante considerar também se seus fios são secos, oleosos ou mistos. Infelizmente não existe uma fórmula que funcione para todas, por isso é importante pesquisar bastante, buscar informações e conhecer seu próprio cabelo :)
Essa postagem contém um cronograma para quem está com os cabelos fragilizados mas é importante deixar claro que quem está com cabelos muito danificados, com muita queda, emborrachados ou com couro cabeludo ferido deve procurar ajuda profissional! Estes são problemas graves que não vão ser resolvidos com receitas caseiras e algumas hidratações.
O cronograma capilar que vou apresentar aqui é resultado de algumas pesquisas que tenho feito sobre tratamentos capilares, frequência de aplicação, etc; por isso é diferente da tabela de cronograma capilar que circula em outros blogs.
Hidratação, nutrição e reconstrução: qual é a diferença?

Na hora de cuidar dos fios, existem várias opções de produtos disponíveis. Para selecionar quais deles são mais interessantes para o seu cabelo, é preciso considerar que cada um desses produtos possui propriedades diferentes. Antes de conhecer o cronograma capilar mais de perto, vamos conhecer características e indicações de produtos voltados para hidratação, nutrição e reconstrução dos fios.

Produtos de hidratação servem para repor a água dos fios. A hidratação é a etapa mais básica do cronograma capilar e é bastante indicada para cabelos levemente ressecados e com frizz. Nos produtos para hidratação, você deve procurar pelos seguintes componentes: frutas, glicerina ou glicerina vegetal, extratos botânicos, pantenol, vitaminas, aloe vera, chocolate, mel, sacarose ou derivados do açúcar, proteínas hidrolizadas.
Produtos de nutrição ajudam a repor óleos e nutrientes (reposição lipídica). A nutrição é indicada para tratar fios ressecados, quebradiços e porosos. Nos produtos de nutrição, você deve procurar por óleos vegetais como óleo de abacate, azeite de oliva, óleo de coco, óleo de rícino, óleo de semente de uva, óleo de jojoba, óleo de ojon etc, manteigas como manteiga de karité, manteiga de cupuaçu, manteiga de abacate, manteiga de murumuru e ceras vegetais.
Produtos de reconstrução servem para repor proteínas e aminoácidos (reposição proteica). A reconstrução é indicada para cabelos danificados que sofrem com quebra, queda, pontas duplas, frizz e porosidade. Nos produtos para reconstrução você deve procurar por queratina e seus aminoácidos, cisteina, serina , prolina, argilina; e colágeno.
DICA: Para saber se um produto é de hidratação, nutrição ou reconstrução, preste bastante atenção nos componentes presentes e na ordem e na frequência que aparecem. Nos rótulos de produtos capilares, os produtos que aparecem em primeiro lugar na lista de componentes, são aqueles presentes em maior quantidade. Geralmente as marcas já sinalizam se o produto tem maior potencial de hidratação, nutrição ou reconstrução. Outro ponto importante é que muitos produtos possuem mais de uma função, mesmo nas fórmulas mais simples você vai encontrar um componente hidratante, emoliente, etc.

Cronograma na prática: recomendações gerais:


Antes de fazer sua hidratação, nutrição ou reconstrução, lave o cabelo com shampoo (se você segue o no poo, faça co-wash). Não aplique o shampoo diretamente no comprimento e nas pontas, tá bom? Nunquinha (!) Esfregue o couro cabeludo fazendo movimentos circulares. Puxe o shampoo para o comprimento instantes antes de enxaguar. Depois de higienizados, seus fios estarão prontos para receber sua máscara de hidratação/nutrição/reconstrução.
Leia o rótulo dos produtos com atenção e respeite o tempo de ação indicado. Deixar um produto por tempo demais pode enfraquecer e prejudicar seus fios.
A água utilizada para lavar o cabelo deve ser de preferência fria e no máximo morna, nunca quente! Água quente dilata os poros e produz muita oleosidade no couro cabeludo.
Não subestime o poder do condicionador! Utilize o produto depois de enxaguar a máscara para selar as cutículas e garantir maciez e brilho aos fios. Aplique o condicionador no comprimento e nas pontas, distribuindo bem o produto.
Na hora de secar, evite esfregar a toalha contra o cabelo. Esses movimentos bruscos de fricção causam frizz e podem quebrar fios. Para secar os fios, aperte a toalha de baixo para cima. Se possível, utilize uma toalha de microfibra ou uma camisa de algodão.
Durante a finalização com seu creme de pentear/leave-in/gel/mousse, evite aplicar o produto no couro cabeludo. Deixe ele respirar e concentre esses produtos no comprimento e nas pontas. O acúmulo de produtos no couro cabeludo pode causar caspas e oleosidade excessiva.
Na etapa de nutrição, sempre que possível faça umectação. A umectação capilar é uma técnica que combina o uso de óleos vegetais e massagem capilar e ajuda bastante no estímulo da circulação sanguínea no couro cabeludo. O Azeite de Oliva Extra Virgem é uma ótima opção para fazer a umectação.
“Cacheia, de quanto em quanto tempo devo lavar o cabelo?” Não existem regras quanto à frequência de lavagem dos cabelos. Aliás, esse assunto rende muita discussão! Para definir a frequência você deve considerar se seus fios estão mais ou menos secos, se você frequenta a piscina com frequência, se está numa rotina low poo/no poo, etc. Vou incluir nessa postagem algumas recomendações de lavagem de acordo com o estado dos fios que talvez possam ajudar. De qualquer modo, cabe destacar que as tabelas que vou colocar abaixo não se referem a quantos dias da semana você vai lavar o cabelo, mas quantas vezes por semana é interessante dar uma atenção especial para os fios. Uma coisa é certa: é importante higienizar os fios todas as vezes que você for fazer hidratações, nutrições e reconstruções.

Cronograma capilar para cabelos saudáveis:


Nossos cabelos sofrem danos diários em função dos raios de sol, da poeira, da poluição, etc; e podem perder brilho nesse processo, se tornando mais opacos. Para garantir que os fios permaneçam com aspecto saudável hidratado é importante garantir a presença de alguns componentes na sua rotina diária. As hidratações podem auxiliar na manutenção de fios brilhantes e macios e podem ser semanalmente (uma vez por semana). Já as nutrições podem ser feitas a cada quinze dias, portanto duas vezes por mês. Cabelos saudáveis não precisam de reconstruções frequentemente, por isso você pode deixar para fazer uma reconstrução uma vez por mês. Seguindo essa lógica, nosso cronograma fica mais ou menos assim:


DICAS:

Se seu cabelo é oleoso, utilize shampoos mais refrescantes e com capacidade desengordurante. Shampoos com Jaborandi, arnica, hortelã, hamamélis e lavanda na composição podem ser interessantes. Aqui no blog tem uma receita com argila indicada para oleosidade excessiva no couro cabeludo, não deixe de conferir. Mais uma dica: se seu couro cabeludo é oleoso, no momento de hidratar não aplique máscara hidratante muito próxima do couro cabeludo, concentre-se no comprimento e nas pontas.
Se seu cabelo é naturalmente mais seco, evite lavar o cabelo com muita frequência. Invista em receitas caseiras com azeite de oliva, abacate, mel e iogurte natural.
As receitas de borrifador podem ser ótimas companheiras no seu dia-a-dia. Confira lá no post da Ray como fazer várias.

Cronograma capilar para cabelos pouco danificados


A rotina capilar apresentada nesse tópico é interessante para quem se encontra com o cabelo mais seco, poroso, com aspecto arrepiado ou pouco maleável, problemas que podem aparecer em função da ação de fatores externos do nosso dia-a-dia e de acontecimentos mais pontuais, como uma ida à praia/piscina.

A praia é um ótimo lugar para descansar e se divertir, mas o sol e a água salgada podem causar alguns danos aos cabelos. Existem alguns cuidados básicos para cuidar dos cabelos no verão que a Raysa já abordou aqui no blog, vale a pena conferir a postagem dela para saber quais itens levar para a praia e o que fazer durante o período de férias. Se você não teve tempo de tomar nenhum desses cuidados e seus fios estiverem sofrendo com fios secos e ásperos, preste atenção nas dicas a seguir. As dicas são válidas também para quem pegou aquela piscina e está sofrendo com os efeitos do cloro.

Considerando que os fios levemente danificados podem ficar mais secos, a proposta desse cronograma é dar preferência para shampoos e condicionadores mais hidratantes e nutritivos. Um excelente condicionador para essa função, liberado para No Poo e Low Poo, é o Elseve Óleo Extraordinário. Amo!

Nesse cronograma a proposta é fazer uma hidratação e uma nutrição na primeira semana. Na segunda semana, duas hidratações. Na terceira uma hidratação e uma nutrição e na quarta uma hidratação e uma reconstrução.


Se você precisa se expor frequentemente ao sol, ao mar ou à piscina, inclua o protetor solar para cabelo na sua rotina. Esses produtos podem ser usados para finalizar os fios e ajudam a proteger seus fios. Veja abaixo alguns exemplos de produtos de proteção solar para o cabelo. (Todos liberados para low poo).


Cronograma capilar para cabelos danificados


Quando os fios estão danificados se tornam mais frágeis, pouco maleáveis, com nós, mais quebradiços e com aspecto seco. Esses problemas podem aparecer após o uso de relaxamentos, permanentes, colorações, descolorações, etc. Todos esses processos podem interferir na estrutura dos fios, assim as escamas capilares ficam mais abertas e vulneráveis. Para amenizar o problema, é interessante utilizar produtos para reconstrução capilar, especialmente aqueles à base de queratina, além de produtos que contém proteínas hidrolizadas. Esses produtos ajudam a amenizar o desgaste da fibra capilar produzido pelo uso de químicas mais agressivas.

IMPORTANTE:
Faça no máximo duas reconstruções mensais. O excesso de queratina também prejudica os fios(!). Em geral, as reconstruções devem ser feitas a cada 15 ou 20 dias, dependendo do estado dos fios.

Nesse cronograma a proposta é realizar na primeira semana uma hidratação, uma nutrição e uma reconstrução. Na segunda semana, uma nutrição, uma hidratação e uma nutrição. Na terceira semana hidratação, nutrição e reconstrução. Por fim, na quarta semana uma hidratação e uma nutrição.


DICAS:


No momento de pentear/desembaraçar, tenha paciência e bastante cuidado para não quebrar os fios que se encontram mais ressecados.
Quem é cacheada/crespa e ama mudar a cor dos cabelos pode enfrentar em algum momento um problema bem comum: pontas esticadas. Isso pode acontecer por motivos diversos e a dificuldade para que os fios voltem a ficar definidos incomoda muitas mulheres. Se você está enfrentando esse problema pode incluir ativadores de cacho na sua rotina capilar. Depois de lavar, hidratar/nutrir/reconstruir e condicionar, ainda com os cabelos úmidos aplique um ativador de cacho leve e em seguida um creme de pentear ou leave-in. Se gostar de receitas caseiras, confira nessa postagem como fazer um ótimo ativador de cachos natural: o gel de linhaça.
Se seu cabelo está com pontas duplas utilize o reparador de pontas. Se puder, corte de um a dois centímetros das pontas dos fios para se livrar das pontas duplas definitivamente!
IMPORTANTE: Se seu cabelo está elástico o cronograma acima não é interessante. Nesse caso, as etapas mais importantes são de nutrição e reconstrução.

Produtos para seguir o cronograma capilar:


Segue abaixo alguns exemplos de produtos para seguir o cronograma capilar, divididos por etapa. Como muitas leitoras do blog seguem o Low Poo e o No Poo, já sinalizamos quais produtos estão liberados para cada uma dessas técnicas. Quem não segue nenhuma delas pode usar os produtos também, sem nenhum problema.

Produtos para cronograma capilar: etapa de hidratação:



Produtos para cronograma capilar: etapa de nutrição:


Produtos para cronograma capilar: etapa de reconstrução:


Como seguir o cronograma capilar com receitas caseiras???? Fácil!

Para fazer o cronograma capilar você não precisa comprar mil máscaras de hidratação, reconstrução e nutrição: as receitas caseiras podem te ajudar bastante no cuidado com os fios. As receitas caseiras são também boas opções para testar e para variar os itens do seu cronograma. Fizemos uma postagem aqui no proximo menu com várias receitas caseiras divididas de acordo com as fases do cronograma capilar, vale a pena conferir, corre lá!

Beijos Gatinhas!!!